teste



domingo, 10 de outubro de 2010

A Dor do Quase

Quase viver, não é viver
Quase amar, não é amar
Quase ter feito, não é ter feito

Quase ter abraçado...
Quase ter beijado...
Quase ter chorado...

Quase ter morrido de medo...Quase experimentar...

Quem vive na incerteza do quase não faz,
não sente,
não diz


O quase sim
O quase não

O quase não, não é não,
pois o não é decidio
não quer, não faz, não fere, não sente, não diz

Quem vive na ilusão do quase
ainda vive o que já não tem o que viver

O quase é não saber
é ser morno
e o morno não quero ter

Quero o sim, quer o não
Não quero o quase

Pois este me tortura por não ter vivido,
não ter sentido,

por não ter decidido...

Um comentário:

  1. lembro alguém dizendo: "prefiro não fazer, do que me arrepender depois".

    ResponderExcluir